21 de junho de 2013

Crítica: Minha Mãe É Uma Peça- No quesito diversão, o filme cumpri bem o seu papel e arranca boas risadas

Atualmente, muitos filmes no quesito comédia nacionais estão fazendo um enorme sucesso no Brasil. Exemplos não faltam; “Se Eu Fosse Você’, “De Pernas Pro Ar”, “Cilada.com”, entre outros. Pegando esse gancho, estréia nesta sexta-feira, o novo filme do comediante Paulo Gustavo, dirigido por André Pellenz: “Minha Mãe É Uma Peça- O Filme”. 

O longa é uma adaptação da comédia, de mesmo nome, que já levou quase um milhão de espectadores aos teatros pelo Brasil. O filme acompanha as hilárias peripécias de Dona Hermínia, uma mulher de meia idade, aposentada, que após ser trocada pelo marido por uma mulher mais nova e não ter mais que cuidar dos filhos, já crescidos, tem como preocupação maior procurar o que fazer. Sem um trabalho ou um companheiro e nada simpática, Dona Hermínia passa seu tempo desabafando com a tia idosa, fugindo da vizinha fofoqueira, ou “enchendo o saco” dos filhos ao tentar continuar a “cuidar” da vida deles.

Paulo Gustavo dá ritmo ao filme interpretando de maneira brilhante, escrachada e muito histérica esta dona de casa reclamona. A personagem é caricatural e não tem papas na língua, principalmente quando o assunto tem a ver com os filhos adolescentes. 


A história segue uma ordem cronológica, mas é pareada a cenas de flashbacks e lembranças dos personagens. Como se fossem atos. (E lembra muito uma peça teatral mesmo). O cenário é Niterói, no Rio. No elenco estão os veteranos Herson Capri e Suely Franco, que interpretam o ex-marido e a tia de Dona Hermínia. Os filhos adolescentes são interpretados pelos atores Mariana Xavier e Rodrigo Pandolfo.  Samantha Schmutz, Alexandra Richter e Ingrid Guimarães, completam o time interpretando, respectivamente, a empregada, a irmã de Hermínia e a namorada arrogante e chata do ex-marido da protagonista.  São personagens reais que, de alguma maneira, lembram alguém que conhecemos. 

As situações abordadas no filme são as do cotidiano: reunião de condomínio, idas a hospitais em exames de rotina, festas e reuniões familiares. Mas principalmente a relação conturbada com os filhos adolescentes: em muitas cenas, vemos Dona Hermínia comparando seus três filhos, o mais velho bem sucedido que mora em Brasília, com a esfomeada e abusada Marcelina e o sensível filho do meio, que é gay não assumido para mãe. O foco do filme é justamente abordar a relação de mães e seus filhos, desde as pequenas coisas do cotidiano, até os dramas e as tragédias que podem acontecer na vida das pessoas.  

A sensação de estar vendo um seriado cômico da Rede Globo é presente o tempo inteiro durante a sessão. Porém, no quesito diversão, o filme consegue cumprir bem o seu papel e arrancar, em algumas cenas, boas risadas.  Mais uma vez destaco Paulo Gustavo que está muito a vontade com a personagem que , para quem não sabe, é uma homenagem a sua própria mãe. 

Recomendo para quem gosta do gênero. 

Avaliação: Bom 




1 comentários:

  1. Eu vou dizer que assistir o comercial do filme não me animou, parece um humor muito forçado mas posso estar enganada :/
    Beijos
    www.acessobeauty.com

    ResponderExcluir

Olá queridos leitores e leitoras!
Que bom que gostaram do post! Responderemos assim que pudermos.
Continuem comentando a opinião de vocês, porque é isso que faz o Coffee and Movies crescer e sempre melhorar.
Gostaríamos apenas que vocês seguissem algumas regrinhas legais para manter tudo em ordem:
- Não postem comentários anônimos. Esse tipo de comentário não será divulgado e nem respondido. Temos o maior prazer em sempre responder às suas mensagens e é importante então podermos saber quem são vocês. Além de estreitar nossas relações, não é mesmo?
-Tem interesse em divulgar o seu trabalho aqui no nosso espaço? Envie uma mensagem para Contato e especifique que se trata de publicidade e/ou parceria, para assim fazermos uma negociação.
- Saibam que todos os comentários postados aqui são moderados pela autora do blog, e ela não aceitará, em nenhum motivo, comentários machistas, preconceituosos, desrespeitosos ou difamações.

Obrigada por colaborar com o Coffee and Movies!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...